- Lugares

Vista da janela para o mundo

Hoje recebi o convite de uma amiga para participar do grupo View from my window, do Facebook. É cada vista mais deslumbrante que a outra!

Na descrição do grupo, consta que foi criado para conectar pessoas de todo o mundo durante o período pelo qual passamos, uma pandemia, provocada pelo novo coronavírus.

Paisagem cotidiana inspira grupo em rede social. Foto: Fabíola Brites

Em função da doença, muitos países estão em situação de fechamento total das instituições, com as pessoas tendo de permanecer em casa, podendo sair apenas para buscar suprimentos.

A iniciativa do grupo é para que os integrantes postem a vista que têm todos os dias, da janela das suas casas, enquanto não podem sair do isolamento provocado pela covid-19.

Inspiração

Quando tudo isso acabar, as fotos mais inspiradoras vão participar de uma seleção, que deverá resultar em calendário e livro. Parte da renda obtida com a venda das fotos será revertida para instituições humanitárias.

No momento em que este artigo é escrito, o View from my window tem 1.020.791 de membros, dentre os quais me incluo, muito mais como espectadora.

Refletindo sobre o propósito do grupo, fiquei pensando no paradoxo da situação. Tanto lugar neste mundão afora para conhecer e vem um vírus para mandar todo mundo aquietar o facho e ficar em casa.

Viajar abre os horizontes, amplia nossos conhecimentos, nossa visão de mundo. Nossa, é tanto benefício que dispensa ficar elencando.

Beleza

Mas, já pensou em como pode ser interessante descobrir as belezas do local onde mora? A gente sabe que a grama do vizinho sempre parece mais bonita.

Mas é do vizinho, e agora, neste momento em que o mundo passa, está difícil conhecer novas paragens.

A proposta é descobrir as belezas do local onde moramos. Foto: Fabíola Brites

Sei que sou privilegiada por morar em um condomínio arborizado, com espaço para, digamos, dar algumas passadas com segurança, mantendo o isolamento.

Muitos não têm esta condição, outros, nem casa têm. Certamente por isso ainda tenhamos tanto que evoluir como sociedade, auxiliando uns aos outros.

Não sei se por coincidência, mas, minutos antes de receber o convite para entrar no grupo, eu havia saído para levar o lixo para fora de casa e, diferente dos outros dias, decidi levar o celular e fiz algumas fotos.

Juntei a elas outras imagens que havia feito dias antes de tudo começar. É a vista da minha janela estendida, simples, singela. E você, já olhou para fora hoje? (Por Fabíola Brites)

Matérias Semelhantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *