Manjericão e manjerona
- Casa e Decoração

Como usar temperos na decoração

Manjericão, manjerona e outras ervas, além de darem sabores especiais aos pratos, aromatizam e embelezam ambientes da casa. Algumas plantas conservam o frescor durante dias, acondicionadas em vasos com água, que dão um charme especial ao ambiente.

Por Fabíola Brites

Poder colher os próprios temperos para colocar na comida é um luxo ao qual poucas pessoas podem ter acesso, principalmente quem mora em apartamento. Mas, imagine que, no jardim do seu condomínio, ou mesmo na sua sacada, tem lá um cantinho para plantar manjericão, manjerona, aipo e outras plantinhas…

Além de emprestarem um sabor especial aos seus pratos, elas ainda podem embelezar e aromatizar sua cozinha ou mesmo sala de estar. Foi o que descobri quando levei para casa um ramo de ervas colhidas no jardim da casa da minha tia.

Temperos aromatizam ambiente
Ramalhetes de temperos têm dupla função na cozinha: enfeitar e aromatizar

Como a quantidade que levei era maior do que consumiria normalmente em uma semana, decidi acondicionar as plantas em vasos de vidro, que ficaram na bancada da cozinha. Para minha surpresa, os temperos não só embelezaram, como aromatizaram o ambiente por dias seguidos.

Às vezes, quando passava por lá, balançava os galhos só para realçar o cheirinho. E o melhor: as ervas se mantiveram frescas por mais de uma semana em um vaso com água. Ah! E  ter uma jarra com água saborizada com ervas na geladeira é também uma ótima pedida e um incentivo a mais para manter-se hidratado.

Empolgada com o uso dos temperos na decoração da cozinha, fiz uma rápida pesquisa sobre as propriedades de duas das plantinhas que enfeitaram meus vasos: manjericão e manjerona.

No site da escola de fitoterapia Ervanarium encontrei até “indicações energéticas ou mágicas” para a manjerona, que é “recomendada para fortalecer o amor, proteger a casa e atrair pensamentos alegres”. Opa! Tudo o que a gente precisa, né?!

Manjericão perfuma a cozinha
Folhas se conservam por mais de uma semana em vaso com água

Manjericão
A dupla molho de tomate e manjericão salva qualquer prato básico, principalmente se for à base de massa. A erva pode ser usada seca, mas suas potencialidades são ressaltadas quando fresca, por isso, ao utilizá-la, coloque no fim do preparo dos pratos. O manjericão contém vitaminas A,C, B1, B2 e B3, e minerais como cálcio, fósforo e ferro. Além das massas, vai bem em sopas e carnes suaves, como frango e lombo de porco. Contém propriedades anti-oxidantes e anti-inflamatórias.

Manjerona
As flores de manjerona podem aparecer na horta em tons de rosa, branco ou lilás. A erva dá um sabor especial a peixes, frangos e carnes vermelhas. Abobrinha, berinjela, brócolis e tomates ganham um gostinho especial quando refogados com o tempero. É rica em vitamina A, B6 e E. Entre as suas propriedades medicinais já identificadas estão: digestiva, expectorante e afrodisíaca.

Fontes:

O que você precisa saber sobre o manjericão e seus benefícios

Ervanarium

Matérias Semelhantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *