- Bem-viver, Comportamento

Como a comunicação pode ajudar na crise

Quando muitos empreendimentos passam a operar apenas pela internet, é preciso bem mais do que um Instagram bombado para sobreviver. É neste momento que dedicar atenção à comunicação do seu negócio pode ser decisivo.

Por Fabíola Brites*

A pandemia do coronavírus provoca mudanças no comércio e em serviços. Sucessivos decretos, publicados pelos governos estaduais e prefeituras, determinam o que pode e o que não pode operar, levando muitos negócios a uma crise. E o quê a comunicação tem a ver com isso?

Tudo! Sem poder operar em unidades físicas, muitos empreendimentos estão tendo de migrar para o mundo virtual e enfrentam uma batalha para conseguirem ser notados neste ambiente que, embora não seja novo, está bastante alterado neste momento. É aí que comunicar seu produto ou serviço torna-se indispensável.

Para quem chegou a este texto esperando uma fórmula salvadora, lamento decepcionar. A situação é complexa e existe tratamento multidisciplinar. Por isso, aos que pretendem abandonar a leitura, antecipo o que acredito que seja fundamental: não deixe para pensar sobre comunicação quando a crise passar.

Todos estarão fazendo o mesmo. Portanto, se a preocupação sobre como seu negócio vai sobreviver a esta pandemia já está lhe tirando o sono, invista em comunicação agora. Pronto, para quem tem pressa, o indispensável foi dito. Para quem quer entender um pouco mais sobre o assunto, acho que vale a pena seguir adiante.

Saber comunicar seu produto ou serviço é fundamental para ser notado. Foto: Pixabay

O tratamento multidisciplinar a que me referi acima está relacionado a própria origem desta crise: um vírus contra o qual ainda não se descobriu nem remédio nem vacina e que ataca a todos. Logo, se você está com dificuldades no seu negócio, seus clientes, fornecedores e funcionários, se você os têm, também.

Redes sociais

Sendo assim, antes de sair procurando novos parceiros comerciais, avalie a possibilidade de estreitar a comunicação com quem você já fez algum tipo de negócio. Utilize os canais pelos quais vocês já se comunicaram ou que você sabe onde pode encontrá-los. Vale WhatsApp, direct do Instagram, Facebook, newsletter.

Ofereça alternativas, converse. Inclua o momento pelo qual todos estão passando em suas comunicações. Não significa que você tenha de falar sobre a crise ou o vírus explicitamente, mas mostrar que sua empresa, seja de que tamanho for, está ciente e procurando fazer o melhor.

Para quem toca o próprio empreendimento, sem sociedade ou mesmo funcionários, é importante reservar um tempo diário para investir na comunicação de seu negócio. Encare como um trabalho, uma tarefa importante. Pode ser 15 minutos, 1 hora ou turno inteiro. Você escolhe, desde que seja rotineiro, constante e regular.

As redes sociais são ferramentas úteis, se bem aproveitadas. No momento em que mais pessoas estão em casa, a presença nas mídias digitais pode dar uma visibilidade importante. Para se destacar, no entanto, planeje antes de postar. Vale pegar um caderno, anotar, definir o que vai publicar, em cada dia e rede social.

Startups

A comunicação é estratégica para os negócios. Mais ainda para os pequenos e para startups, pois precisam focar no seu produto principal e percebem que falta braço e tempo para postar, produzir conteúdo de qualidade, relevante e que faça sentido para seu cliente que, só assim vai se interessar pelo que vendem.

Logo, para grandes, médios e pequenos, outra sugestão, neste momento, que merece ser avaliada, além de reservar tempo e atenção para a comunicação de seu negócio, é contar com ajuda especializada. Usar rede social, é possível afirmar, todo mundo sabe hoje em dia. Porém, nem sempre de forma qualificada.

Se você tem um bom produto, acredita nele, sabe que, por meio de seu negócio ou serviço que oferece, atende as dores e as necessidades de um público que precisa, dedique-se a ele. E recorra a ajuda capacitada para potencializar seu alcance. A comunicação, sozinha, não faz milagre, mas, quando bem feita, ajuda, e muito!

@fabiola_brites é jornalista, mestrado em Comunicação pela PUCRS. Atua com mentoria para pequenos empreendimentos e startups, principalmente aquelas com mulheres à frente do negócio.

Matérias Semelhantes

2 thoughts on “Como a comunicação pode ajudar na crise

  1. Show. Super recomendo ❤️.. fez toda diferença ter contratado a mentoria da Fabiola, antes da crise do Covid19 ter iniciado.

    1. Adriana, a autora agradece! Empresárias e empresários como você, que percebem a importância da comunicação, sabem que podem contar com ela para superar o momento pelo qual passamos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *