- Gastronomia

Café nosso de cada dia

Quantas vezes não dizemos para nossos amigos “Vamos tomar um café?”, quando, na verdade, o que queremos é conversar, bater papo, falar da vida ou mesmo de algum problema? O café é só uma desculpa, e que saborosa desculpa!

Por Laura Martins de Moraes

Depois da água, o café é a bebida mais consumida do mundo, conforme a Associação Brasileira de Indústria de Café, que afirma que ele está presente em aproximadamente 98% dos lares brasileiros.

E mais: o café é um agente importante para a socialização.

O café é importante agente de socialização (Foto: Divulgação)

Afinal, quantas vezes não dizemos para nossos amigos “Vamos tomar um café?”, quando, na verdade, o que queremos é conversar, bater papo, falar da vida ou mesmo de algum problema? O café é só uma desculpa, e que saborosa desculpa!

Amargo ao natural ou adoçado, para quem prefere, o café ajuda a esquentar as relações pessoais.

Do cafezal aos grãos, passando pela colheita. Esse é o processo inicial que se transforma, ao final, em um aroma delicioso em muitas das xícaras por aí a fora.

Para obter todos os benefícios da bebida, ela deve ser consumida logo após o preparo (Foto: Divulgação)

Para Sandra Gasparotto, proprietária da cafeteria Piperita Sabores Selecionados, “o café é uma bebida cativante durante todo o ano, mas o charme do outono e do inverno chama a atenção para o café com leite”.

A Piperita funciona há seis anos em Porto Alegre, e é especializada em café orgânico, tipo de grão que conserva a pureza do sabor.

Vanilda Ferreira, certificada pelo curso de barista do Café do Mercado, famoso pelos seus cafés no Mercado Público, no Centro Histórico da capital gaúcha, explica que os cafés que mais têm saída são o expresso,  mais forte, e o carioca, que leva um pouco mais de água.

Café é estimulante (Foto: Pixabay)

Em uma conversa com a barista e a empresária foi possível entender um pouco mais sobre a bebida.  Confira algumas dicas e receitas:

Preparo e armazenamento:

O pó deve ser guardado em um vidro fechado na geladeira.

O ideal é moer o grão, que tem maior durabilidade, um pouco antes de prepará-lo

O café deve ser consumido logo após o preparo, para aproveitar todas as suas propriedades.

Quanto mais o tempo passa, a bebida oxida, modificando o seu sabor. Na Piperita, depois que fica pronto, o café tem que chegar à mesa do cliente em até 26 segundos.

Há um moedor para cada tipo de grão e, além de limpá-lo todos os dias, o ideal é somente usar uma marca de café, de maneira que não se misture ao paladar outra marca.

Existem diversas técnicas para cada tipo de preparo, o importante é que cada um precisa ser feito com carinho e dedicação.

Benefícios do café:

Ajuda na circulação sanguínea e no controle do diabetes.

Auxilia o sistema urinário e na retenção de líquido.

É estimulante e diminui o sono.

Pontos negativos:

O excesso de consumo diminui o cálcio e sua absorção no sangue.

Causa insônia.

A medicina Ayurveda (sistema de saúde milenar, originado na Índia) incentiva a diminuição do café para termos uma vida mais tranquila. Além disso, o café causa dependência e, muitas vezes, dá dor de cabeça com a sua abstinência.

Curiosidades:

O pó usado do café pode ser utilizado como adubo de plantas, pois o fósforo ajuda na vivacidade delas, além de auxiliar na esfoliação da pele.

Após cerca de 30 minutos, o café passado começa a perder suas propriedades. Logo, aquele café, que está na garrafa térmica desde o começo do dia, nada mais é do que água quente.

Amargo ao natural ou adoçado, para quem prefere, o café ajuda a esquentar as relações pessoais (Foto: Pixabay)

Receitas:

Café com sorvete

Ingredientes

  • 4 colheres de sorvete de creme
  • 1 xícara de café bem forte
  • 4 colheres de chocolate em pó
  • 4 colheres de achocolatado em pó
  • 1/2 litro de leite
  • canela em pó
  • açúcar ou adoçante
  • cobertura de chocolate

Modo de preparo:

Bata tudo no liquidificador. Em seguida, passe calda de chocolate em toda a taça. Despeje o café batido, polvilhe com canela e sirva

Café gelado

Ingredientes

  • 50 ml de café coado (ou 40 ml de espresso)
  • 40 ml de gim
  • 80 ml de tônica
  • 5 pedras de gelo

Modo de preparo

Coloque as pedras de gelo no copo, o gim e o café morno (temperatura ideal para o gelo não ser derretido). Acrescente com delicadeza a tônica para ela não espumar a bebida. Se quiser, decore o copo com um misturador de drinque e sirva.

Bebida se adapta a receitas quentes ou geladas (Foto: Pixabay)

Chocolate quente com uísque

Ingredientes

  • 1/4 taça de cacau em pó
  • 1/4 taça de pepitas de chocolate
  • 1/2 taça de açúcar
  • 1/4 colher de sopa de pimenta
  • 2 taças de leite gordo
  • 90 ml de uísque
  • cobertura de caramelo ou chantilly

Modo de preparo:

Adicione o cacau, as pepitas de chocolate, o açúcar, a pimenta e o leite a uma pequena panela. Em seguida, aqueça em fogo médio, batendo constantemente de forma a dissolver o cacau e derreter as pepitas. Continue até começar a criar vapor e retire-o do fogo. Adicione o uísque e divida o chocolate por duas canecas. Cubra com caramelo, chantilly ou marshmallows.

* Laura Martins de Moraes é jornalista, especialista em Televisão e Convergência Digital e mestranda em Comunicação Social pela PUCRS.

Café

Matérias Semelhantes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *